II Bioinsumo Brasil iniciou com debates sobre a produção onfarm

II Bioinsumo Brasil iniciou com debates sobre a produção onfarm

O II Bioinsumo Brasil iniciou nesta quarta-feira (27), em Cascavel, com debates em torno da produção onfarm. Na abertura do evento, que aconteceu no Centro de Convenções e Eventos da cidade, o presidente da AREAC (Associação Regional dos Engenheiros Agrônomos de Cascavel), Engenheiro Agrônomo César Veronese, falou sobre a importância do evento e da temática.

“Esse é um tema muito importante. Para nós engenheiros agrônomos de forma especial para estarmos preparados para a assistência técnica destes novos insumos que estão surgindo, pois temos uma responsabilidade muito grande com o campo e o agricultor, e também dos produtores, para que possam avaliar corretamente o uso dos insumos que temos à disposição”, destacou.

estande-crea-parana

Representantes do Sistema Confea/Crea e Mútua no estande do Conselho

Em seguida, o presidente da FEAPR (Federação dos Engenheiros Agrônomos do Paraná), Engenheiro Agrônomo Clodomir Ascari, parabenizou as entidades pela realização do evento. “Quero aqui parabenizar a todos pelo evento, por acreditarem na agronomia do Paraná e por apoiarem uma iniciativa como essa, que traz um tema que vem sendo debatido de forma muito intensa”.

Em seguida, abriu as palestras a Dra. Mariangela Hungria, Engenheira Agrônoma da Embrapa Soja, que falou sobre a qualidade da produção de Bioinsumos Onfarm. “Este é um tema atual. Hoje importamos 85% do nitrogênio, fósforo e potássio que utilizamos. Temos uma grande possibilidade de substituição parcial ou total de fertilizantes químicos”, evidenciou.

De acordo com a Engenheira Agrônoma, é preciso tomar cuidado com a questão da produção própria. “Embora cada um tenha o direito de produzir, precisamos entender que neste processo existe a necessidade do conhecimento, do responsável técnico, das responsabilidade ambientais. Então, esses são pontos que eu também vou abordar na palestra”, destacou.

Mais tarde teve a palestra Produção de Bioinsumos Onfarm para uso próprio, com o CEO da Fotossíntese Biologic, o Engenheiro Agrônomo Carlos Scapini. Mais tarde, teve a palestra BIOAS – Tecnologia de Bioanálise de Solo com o Engenheiro Agrônomo Dr. Marco Antônio Nogueira, da Embrapa Soja, e logo em seguida a temática O Brasil da Agricultura Regenerativa, com a Engenheira Agrônoma Dra. Luciane Grange, da UFPR.

O primeiro dia de palestras foi encerrado com as temáticas “Potencial de Utilização de Remineralizadores de Solos”, que foi promovido pela Engenheira Agrônoma Dra. Janete Chaves Curtis e a palestra “Potencial de Utilização de Bioinsumos na Agricultura Brasileira”, promovida pela Engenheira Agrônoma Dra. Paula Machado, da BIOCOOP – COOPAVEL.

Texto com colaboração de Rodrigo Bortot – jornalista.

< voltar

Associe-se às ENTIDADES
da sua categoria. Você
sempre sai ganhando.

Acessos Rápidos

Editais

Fique de olho
em nossos Editais

ACESSE >

Honorários

Tabelas
referenciais de Honorários

CONSULTE >

Cursos On-line

Qualificação e
aperfeiçoamento de Conhecimentos

ACOMPANHE >